Baquetas e os Tipos de Madeiras



American Hickory


Flexível e com grande resistência a impactos, a Hickory é a madeira preferida dos bateristas. Considerada pela maioria como a mais confortável para percutir. Caracteriza-se principalmente pelo timbre refinado, originando uma sonoridade mais encorpada e versátil.



Marfim


Com ótimas características de elasticidade e densidade, produz uma sonoridade intermediária, mais macia. O peso menor permite maior agilidade e conforto para quem prefere baquetas com maior diâmetro e empunhadura. É a baqueta mais lembrada quando o assunto é custo-benefício.



Brazilian Wood


O Roxinho é uma madeira pesada e dura, com ótima resistência, textura da superfície semelhante ao jatobá e brilho atenuado. Seu desgaste é lento e o principal diferencial está na coloração, na contextura vibrante e no rebote.



Eco Jatobá


Classificada como madeira de alto peso específico, baixa flexibilidade e alta resistência, a Eco Jatobá tem a superfície pouco lustrosa e textura menos lisa. Proporciona sonoridade mais volumosa nos tambores e mais brilho e definição nos pratos.



Eco Bio


Possui volume e ataque ideais para quem prefere uma baqueta com menor diâmetro e empunhadura. Madeira pesada e dura, proporcionando muito ataque. Superfície lustrosa com textura intermediária, excelente durabilidade.



Fonte: Wordpress

Clube da Música - Daniel Imenes & Cia.: Escola de Música no Recreio, RJ.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square